Propinas de R$ 68 mi beneficiaram PT e ex-dirigentes da Petrobras e da Petros

A Polícia Federal (PF) e Ministério Público Federal realizaram desde as primeiras horas desta sexta-feira, 23, mais uma fase da Operação Lava Jato na Bahia, São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. De acordo com a PF, esta etapa investiga superfaturamento na construção da nova sede da Petrobras, no bairro do Itaigara, em Salvador. 

O órgão de investigação informou ainda que, “com o direcionamento da execução das obras a uma empresa ligada a outras duas grandes empreiteiras já conhecidas da Lava Jato, o valor da execução ficou bem acima do que deveria, assim como o valor de aluguel a se

Prisões na BA e outros estados 

Entre os seis presos na Bahia, o empresário Mário César, da OAS; o ex-secretário de Desenvolvimento Urbano no governo de Jaques Wagner (PT) e ex-diretor da OAS na Bahia, Manuel Ribeiro; e o ex-presidente da OAS, Elmar Varjão. Os outros 11 detidos no estado não foram divulgados até o momento. 

Em São Paulo, Marice Correa, cunhada do ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT) João Vaccari Neto, foi presa temporariamente. Wagner Pinheiro Oliveira, ex-presidente da Petros e dos Correios, foi alvo de busca e apreensão no Rio de Janeiro.

Lauro de Freitas

Na Bahia, os policiais estiveram em um village em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Os agentes, que saíram por volta das 5h30 da sede da PF em Águas de Meninos, na capital baiana, fizeram buscas em um imóvel no local.

A ação desta sexta faz parte da 56ª fase da Lava Jato e foi autorizada pela juíza substituta Gabriela Hardt, que assumiu as investigações da operação no lugar de Sérgio Moro, futuro ministro da Justiça e Segurança Pública no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro. Cerca de 100 policiais atuaram no desdobramento desta nova etapa, que reprime “a prática de crimes de corrupção ativa e passiva, gestão fraudulenta de fundo de pensão, lavagem de dinheiro e organização criminosa”.

Ainda conforme a PF, “os investigados direcionavam parte dos recursos obtidos desses valores a maior para pagamento das propinas, utilizando de artifícios para ocultar e dissimular a origem e destino desses montantes”. 

Fonte:http://atarde.uol.com.br/bahia/noticias/

About José William Vieira

View all Posts

Brasileiro da Bahia que gosta de escrever. Escritor/Jornalista que gosta de abordar o cotidiano do seu ângulo de visão.

Deixe uma resposta

Pular para a barra de ferramentas