Só Acontece Comigo

Ultimamente todo mundo com quem me deparo na rua é assim:

-Amigo, ontem levei uma topada danada que lascou a cabeção dedão do pé, agora não posso usar sapato.

-Zé, o meu sapato é o melhor sapato do mundo, resistente à água, topada e olho ruim. Feito da melhor e mais durável pele de crocodilo do mundo. O interior do meu sapato recebeu forro com a pele de cabra mais macia do mundo, e em cima tem uma fivela de ouro mais puro do mundo; 22 quilates.

-Amigo, hoje amanheci disposto e varri a casa quase inteira, levei um tempão.

–Zé, a minha vassoura é a melhor vassoura do mundo, eu varro a casa em dois minutos. A minha vassoura é prática, uma fabricação sofisticada, com tecnologia avançada, a melhor do mundo, uma vassoura de punho anatômico sob medida.

– Amigo, até a mais sofisticada vassoura do mundo, precisa da mão que conduza seu cabo de um lado para outro.

–Interessante, Zé, já essa minha não. Essa minha não precisa nada disso.

–Deve ser uma vassoura do cacete de boa, essa sua vassoura…

–E é!

–Amigo, vou ter que sair para ir ao banco pagar a prestação do meu carro.

–Em quantas prestações você o financiou?

–Cento e vinte prestações

.—Misericórdia, tudo isso? É prestação que não acaba mais.

–É essa coisa aí?

–É!

–Isso é carro de motorista táxi.

–Pode ser o caralho, mas é o meu carro.

–É que nem, que nem, até na cor, ao que dei à minha empregada para ela, todos os dias, levar as crianças na escola.

_Interessante amigo, chupar um prego para virar parafuso ninguém quer, né?

_Pois é, Zé! Tenho um parafuso de ouro, o melhor do mundo, com arruela de prata que ninguém tem, porca de ouro branco extraído do…

Fim
Autor: Zé William

About José William Vieira

View all Posts

Brasileiro da Bahia que gosta de escrever. Escritor/Jornalista que gosta de abordar o cotidiano do seu ângulo de visão.

Deixe uma resposta

Pular para a barra de ferramentas