O Caso Vitória

A menina de 12 anos que desapareceu há uma semana,  mostra o despreparo da Polícia Militar  para investigar o caso.

Até o momento a Polícia conta com o depoimento de um único suspeito que se diz ter participado do crime e que já apresentou seis versões diferentes sobre o caso.

Atordoada, sem saber o que fazer, a Polícia Militar de Araçariguama-SP mostra para o Brasil e para o mundo um total despreparo, um verdadeiro amadorismo em suas ações.

Sem aparato tecnológico eficiente, sem estratégia inteligente, a Polícia Militar mostra-se incapaz de solucionar  desaparecimento de uma criança, numa cidade pequena com menos de trinta mil pessoas.

A Polícia se prendeu ao depoimento de um suspeito que aparenta ter distúrbios mentais e, sequer mandou um profissional da mente analisar o suspeito.

Uma corporação policial que, diante de um caso de tamanha repercussão, conta somente com o farejo de seus cães adestrados.
É visível e notória a incompetência desses profissionais que deposita toda sua confiança no aparato inteligente que se resume apenas em seus cães farejadores.

About José William Vieira

View all Posts

Brasileiro da Bahia que gosta de escrever. Escritor/Jornalista que gosta de abordar o cotidiano do seu ângulo de visão.

Deixe uma resposta

Pular para a barra de ferramentas