Pra nós, chuva! Pra embasa, dinheiro!

14730834545950Nos últimos meses São Pedro tem embromado mais que funcionário público, mas, ultimamente anda mostrando serviço que nem a equipe de Sérgio Moro,  aqui em Conquista e a EMBASA mostra ingratidão, inda por cima, em dose dupla.

A primeira é que São Pedro não cobra pela água, mas a EMBASA recebe de graça e cobra da gente. A segunda ingratidão é que a EMBASA cobra por um produto que a gente não consome, como se consome a gasolina. A água, nós a utilizamos e depois a devolvemos, portanto, não merecia ser cobrada uma vez que o produto é devolvido. Conclusão: a EMBASA cobra por uma água que recebe de graça e a tem de volta logo após o uso dela. Isso, na realidade, é a prática da usura.

About José William Vieira

View all Posts

Brasileiro da Bahia que gosta de escrever. Escritor/Jornalista que gosta de abordar o cotidiano do seu ângulo de visão.

Deixe uma resposta

Pular para a barra de ferramentas